Sonhos de um Horário de Verão

Um relógio que anda para trás!
O sumo desejo atendido
Dos envelhecidos inconformados
Dos equivocados arrependidos
Dos saudosistas extremados
Dos historiadores delirantes
Dos investigadores criminais
Das vítimas fatais
Dos jogadores falhantes
Dos hipnotizadores argutos
Dos geólogos curiosos
Dos cosmólogos siderais
A plena violação da entropia
A cena do avesso
Voltar o tempo
seria
Voltar no tempo?
Lux Finiens

Gabriel Lopes Garcia é poeta. Atua como professor de Física nas horas vagas.


Clique na imagem e acesse a loja virtual da Bodoque!


Galeria

Apoie causas humanitárias. Em tempos de cólera, amar é um ato revolucinário.

Anúncios

Deixe uma resposta