UNICEF Abre Exposição ’30 Anos da Convenção Sobre os Direitos da Criança’ no Congresso Nacional

O Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF) inaugura na semana que vem (30) uma exposição no Congresso Nacional sobre os 30 anos da Convenção sobre os Direitos da Criança (CDC). O público é convidado a conhecer a história da Convenção mais ratificada no mundo, assinada por 196 países, e como ela vem impactando a vida de meninas e meninos no Brasil. 

Os 100 metros de exposição — localizada no corredor de acesso ao Plenário da Câmara dos Deputados — estampam depoimentos de crianças e adolescentes do Brasil e do mundo que lutam ativamente por seus direitos. O expectador é convidado a reviver os eventos históricos que levaram à assinatura da Convenção, se familiarizar com os princípios que regem a CDC, conhecer todos os direitos nela expressos e interagir com painéis de som para ouvir histórias reais de meninos e meninas

Vista panorâmica do Salão da Assembleia Geral da ONU durante as deliberações e a adoção da Convenção sobre os Direitos da Criança em 20 de novembro de 1989. Foto: UNICEF

Ao final do percurso, fica a pergunta ao visitante: “e você, o que vai fazer pelos direitos das crianças e dos adolescentes?”. Cada um é convidado a responder essa pergunta em suas redes sociais e incentivar amigos a fazer o mesmo.

“Com esta exposição, o UNICEF convida deputados e deputadas, senadoras e senadores, assim como cada cidadão, a refletir e perceber qual é o seu papel na defesa e na promoção dos direitos das crianças e dos adolescentes brasileiros. Trabalhamos para garantir que cada menino e menina tenha acesso a todos os seus direitos de forma integral, e queremos que o maior número de pessoas se mobilize por essa causa”, afirma Michael Klaus, chefe de Comunicação e Parcerias do UNICEF no Brasil.

A exposição conta com o apoio do Instituto Alana, da Frente Parlamentar Mista da Primeira Infância e da Frente Parlamentar de Proteção e Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente.

Sobre a Convenção

Aprovada em 20 de novembro de 1989 pela Assembleia Geral das Nações Unidas, a CDC é um marco fundamental na garantia dos direitos de crianças e adolescentes. São 30 anos de conquistas que merecem ser comemoradas.

A exposição destaca os avanços das últimas três décadas que transformaram a vida de muitas crianças, como a diminuição em mais de 50% da mortalidade infantil desde 1990, assim como a redução da proporção de crianças subnutridas, e o aumento da cobertura vacinal e do acesso à educação no Brasil.

Apesar dos avanços, ainda há muito por fazer. Mesmo com o aumento do acesso à educação, milhões de meninos e meninas seguem fora da escola. Nesses últimos 30 anos, a cobertura vacinal foi ampliada, mas passou a cair no País desde 2015, trazendo de volta doenças como o sarampo. O Brasil também se deparou com o aumento preocupante dos homicídios de crianças e adolescentes durante as últimas três décadas.

“Diante de antigos e novos desafios, é fundamental reafirmar o compromisso do País, e de cada brasileira e brasileiro, com os direitos de cada criança e adolescente”, reforça Klaus.

Conheça mais sobre a Convenção aqui.

Serviço

O quê: Exposição “30 anos da Convenção sobre os Direitos da Criança”
Quando: De 30 de outubro a 13 de novembro, das 8h30 às 17h30
Onde: no corredor de acesso ao Plenário da Câmara dos Deputados, no Congresso Nacional.

Matéria originalmente publicada em Nações Unidas Brasil em 25/10/2019 – Atualizado em 25/10/2019


A ONU (Organização das Nações Unidas) é uma organização internacional formada por países que se reuniram voluntariamente para trabalhar pela paz e o desenvolvimento mundiais.


Clique na imagem acima e acesse a loja virtual da Bodoque!


Galeria

Apoie causas humanitárias. Em tempos de cólera, amar é um ato revolucionário.

Anúncios

Deixe uma resposta